Carreira

Afinal, quanto ganha um administrador de empresas?

Que Administração é um dos cursos mais disputados você certamente já sabe. O que o torna tão procurado é o fato de ser voltado à formação de profissionais versáteis, que vão poder atuar em diversas áreas, dentro e fora das empresas.

Isso dá mais liberdade para você explorar vários universos atrás daquele que mais se encaixa no seu perfil. Só que isso também complica na hora de estipular que remuneração é adequada, uma vez que os parâmetros para definir quanto ganha um administrador são tão diversos quanto as áreas de atuação.

Se você está pensando em cursar Administração, acompanhe este post e saiba o que esperar da profissão!

O que você precisa para ser um bom administrador?

Embora as áreas de atuação sejam muitas, existem características que todo mundo que quer seguir nessa profissão precisa ter ou desenvolver. Preste atenção se você possui essas qualidades ou se está a fim de aprendê-las!

Disciplina e organização

Você vai gerenciar muita informação, equipes e prazos. Para não se perder em meio a tudo isso, é fundamental saber se organizar, planejar e, acima de tudo, ter disciplina para cumprir os planos.

Boa comunicação, espírito de equipe e liderança

Você nunca vai trabalhar sozinho. Portanto, terá que saber se expressar claramente, além de trabalhar em equipe, delegar tarefas, assumir responsabilidades e ter iniciativa. Todas essas também são características de liderança, que você deve ter mesmo quando não for chefe.

Capacidade de planejamento

Planejar faz parte do dia a dia do administrador. Ter capacidade de traçar objetivos claros e definir metas é essencial.

Quais são as principais áreas de atuação?

O administrador pode atuar dentro das empresas, em cargos que vão de assistente até presidente. Também pode atuar por conta própria, prestando serviços específicos para resolver problemas pontuais. Veja a seguir as principais funções do administrador e o que ele faz em cada uma delas.

Administração financeira

É responsável pelo gerenciamento dos recursos financeiros de uma empresa para que o dinheiro seja aplicado da melhor forma, garantindo melhor retorno. Compra matéria-prima, contrata serviços e está sempre de olho nos dados para evitar o desperdício.

Gestão de recursos humanos

O gestor de RH administra a seleção e a contratação de profissionais, determina salários, planos de carreira e trabalha com o objetivo de montar a melhor equipe para a empresa. Também coordena pesquisas a fim de saber se os trabalhadores se sentem bem ou não e o que pode ser feito para melhorar.

Marketing

Trabalha com a comunicação da empresa e o posicionamento da marca perante o mercado. Atua em parceria com profissionais da área de publicidade, jornalismo e relações públicas. Realiza e interpreta pesquisas com o público-alvo e lida com uma quantidade enorme de dados.

Comércio exterior

Nesse caso, gerencia transações de exportação e importação, cuidando da logística e fazendo o possível para que essas transações sejam proveitosas. Precisa lidar com leis internacionais e alfandegárias, além de conhecer a cultura de diversos países.

Gestão ambiental

Em alta nos últimos anos, a função do gestor ambiental é gerir as ações que devem ser tomadas com a finalidade de reduzir o impacto das empresas no nosso planeta.

Gestão estratégica

Com certeza, gerenciar o orçamento, comprar equipamentos e acompanhar o desempenho de uma equipe são ações primordiais de um administrador. Com a evolução das organizações, esse profissional passou a ter um papel mais relevante, passando a atuar na montagem da estratégia empresarial.

Uma prova disso é que os administradores são cada vez mais requisitados na elaboração do planejamento estratégico. Além disso, participam de iniciativas relacionadas ao desenvolvimento de novos projetos, governança corporativa, reengenharia, responsabilidade social e terceirização.

No mundo corporativo, uma empresa necessita de uma equipe voltada para estratégia. Do contrário, não terá condições de sobreviver.

Produção e operações

Verificar a quantidade e a qualidade da produção é um aspecto cada vez mais valorizado pelas companhias. Nesse cenário, um administrador deve mostrar as melhores alternativas para que os produtos e serviços oferecidos sejam de excelente qualidade.

O profissional especializado no segmento de produção tem como responsabilidades planejar as ações, coletar dados, acompanhar os trabalhos, fiscalizar os fornecedores e monitorar os resultados.

Com essa postura, o administrador terá condições de avaliar se os produtos estão sendo feitos com qualidade e no quantitativo ideal para atender à demanda. Isso é crucial para uma organização conquistar mais clientes e aumentar os lucros.

Logística

É inegável que uma empresa deve valorizar o planejamento e trabalhar com dados sobre a produção em tempo real. Porém, isso não é o suficiente para alcançar o sucesso. Hoje, o ideal é contar com um administrador que entenda bastante de logística.

Essa atividade consiste em gestão dos materiais utilizados nos itens produzidos, controle do estoque e análise sobre movimentação interna dos produtos. Também abrange a distribuição das mercadorias para o varejo, colaborando para o bom relacionamento com os fornecedores e os clientes.

O profissional de logística deve ter habilidade de negociação e ser bastante organizado e detalhista, evitando ao máximo os erros na chegada das mercadorias para o público-alvo.

Setor público

O serviço público oferece uma série de oportunidades de trabalho para quem é formado em Administração. Prefeituras, órgãos estaduais e instituições da União promovem concursos ou processos seletivos com vagas para administradores.

Em geral, as atividades abrangem o controle dos orçamentos, a fiscalização de contratos administrativos e a organização de licitações.

Em um momento que a sociedade exige transparência e respeito com o dinheiro público, o administrador tem um papel muito importante para evitar irregularidades e garantir a eficiência das ações governamentais.

Quanto ganha um administrador?

O salário de um administrador varia conforme a área de atuação, sua experiência e suas qualificações. Também existem fatores externos, como a região. Em geral, Sul e Sudeste apresentam os melhores salários.

Os profissionais recém-formados recebem uma média salarial de R$ 1.600, enquanto cargos de analista e supervisor ficam entre R$ 3.000 e R$ 4.800. Alguns cargos públicos oferecem salários iniciais de até R$ 9.000, porém a possibilidade de crescimento é limitada.

Para você, que pretende iniciar a carreira de administrador, é interessante conhecer o salário-mínimo inicial proposto pelo Conselho Federal de Administração (CFA). Segundo a entidade, o correto é que um profissional recém-formado comece ganhando, no mínimo, R$ 2.680 por mês.

Com base em dados fornecidos pela Catho e pelo Sistema Nacional de Empregos (SINE), vamos mostrar o salário médio inicial de analistas nas grandes empresas, em diversas especialidades:

  • finanças – R$ 3.500
  • recursos humanos – R$ 3.000
  • marketing – R$ 3.300
  • comércio exterior – R$ 3.800
  • gestão estratégica – R$ 3.100
  • produção – R$ 3.500
  • logística – R$ 3.800

Um gestor ambiental tem uma remuneração média inicial de R$ 8.300 em uma empresa de grande porte. No setor público, o salário inicial de um administrador varia bastante em virtude das diferenças orçamentárias entre os municípios, estados e a União.

Um administrador concursado pode receber uma remuneração inicial que vai de R$ 2.000 a R$ 10.000. Para os que desejam ter mais estabilidade no emprego, a administração pública é uma boa alternativa.

Cargos de gerência possuem uma média maior, que varia de R$ 6.000 até R$ 9.000, enquanto diretores e presidentes podem receber até R$ 20.000 por mês.

Os valores que determinam o quanto ganha um administrador são apenas referências com base no mercado. Tudo depende do caminho que você decidir traçar. Portanto, saber o que quer desde o início e criar um bom planejamento de carreira pode ajudar, mesmo que ainda esteja no começo da sua jornada!

Como está o mercado de trabalho atualmente para o profissional de administração?

A principal característica do setor empresarial é sua estabilidade. Podemos ressaltar também que se trata de um nicho com um crescimento constante, o que depende também das flutuações na economia local. Empresas constantemente são criadas ou ampliam seus quadros, necessitando de pessoas qualificadas para ocupar os espaços de gestão.

Estamos em um momento com muito incentivo do governo para iniciativas privadas, com leis e instrumentos públicos, como a possibilidade de se tornar um microempreendedor individual, facilitando o pagamento de tributos e taxas.

Ao mesmo tempo, existem muitas empresas, até mesmo de grande porte, que não contam com profissionais qualificados para gerir os negócios. Nesse sentido, reafirmamos a importância de conquistar um diploma de graduação em Administração. Isso é um verdadeiro diferencial e transmite ao mercado de maneira objetiva suas capacidades enquanto profissional.

Qual é a perspectiva de crescimento de mercado para o administrador?

Ainda que as perspectivas dependam da economia e das flutuações do mercado, podemos observar uma constante de crescimento para administradores de forma geral. O conhecimento técnico tem sido muito valorizado, transformando os valores e as práticas das companhias, pois entendem que ter administradores qualificados efetivamente melhora as possibilidades de crescimento interno.

Ao mesmo tempo, a demanda de trabalho para gestores tem se expandido para além dos escritórios empresariais. A iniciativa pública tem procurado administradores para ocupar cargos que anteriormente não exigiam uma formação profissional específica. Lojas e outros tipos de negócios também têm se adaptado a uma profissionalização interna, promovendo o trabalho dos administradores dessa forma.

Sabemos que o mercado de trabalho de maneira geral é bastante competitivo e dinâmico, uma tendência crescente com o desenvolvimento das sociedades. Para chegar à altura da competição com outros negócios, a contratação de gestores competentes se torna uma necessidade e uma saída recorrente.

Quais são as principais habilidades e competências que o profissional deve desenvolver?

Mesmo depois de se graduar, é sempre importante estudar e se manter atualizado de diferentes formas. Um hábito precioso para oferecer soluções criativas para desenvolver o potencial de sua empresa. Por isso, citamos aqui uma lista de competências e habilidades que devem ser cultivadas por quem quer se destacar no mercado e crescer dentro da empresa:

  • capacidade de perceber os pontos fracos e fortes de cada colaborador para distribuir tarefas de acordo com tais competências;
  • senso de liderança, de forma a estimular as pessoas e os setores da companhia a crescerem, trazendo o senso de coletividade para as instituições e seus participantes;
  • um bom entendimento de ferramentas de trabalho no computador, como programas de tabelamento e gerenciamento de sistemas;
  • conhecimento adequado de trabalho com fórmulas matemáticas e números de maneira geral;
  • habilidade de reconhecer os problemas possíveis de uma companhia e principalmente oferecer soluções criativas para resolvê-los;
  • capacidades de comunicação interpessoal e formulação sintética de mensagens a serem circuladas para as outras partes da empresa;
  • conhecimento de pelo menos um segundo idioma, principalmente a língua inglesa, caso tenha habilidades com um terceiro ou quarto idioma isso pode ser ainda mais valorizado, para as transações com comércio exterior.

Você já sabe a importância de correr atrás de uma pós-graduação e quanto ganha um administrador, só resta agora saber qual o caminho certo a ser trilhado. Assim, terá mais chances de crescer em uma organização e ganhar um excelente salário. As teorias sobre administração estão em constante evolução, trazendo para esses profissionais a importante tarefa de conhecê-las para sempre levar o que há de mais novo para seus locais de trabalho.

Agora, você tem uma boa noção dos rendimentos de um administrador. Se gosta de informações sobre o mercado de trabalho, assine a nossa newsletter e continue recebendo conteúdos de qualidade como este.

You may also like
4 filmes para estudar para o vestibular de forma mais leve
Graduação em serviço social: o que fazem os formados nesta área?
Alunos do 7º período do curso de Ciências Contábeis apresentam os trabalhos do projeto Empresa 100% Rural, na disciplina Contabilidade do Agronegócio.