Confira 4 ótimas dicas para escolher um curso de licenciatura

4 minutos para ler

A conclusão no Ensino Médio possibilita diferentes caminhos na vida de uma pessoa. Iniciar um curso de licenciatura, por exemplo, é uma alternativa para quem sonha em conquistar um diploma de graduação.

Entretanto, antes de se matricular na faculdade, é preciso tirar algumas dúvidas. Por isso, neste post você conhecerá 4 dicas para escolher um curso de licenciatura! Acompanhe até o final:

A diferença entre o bacharelado e a licenciatura

Antes de apresentar as nossas dicas para te ajudar na definição de qual curso fazer, é preciso esclarecer a diferença entre o diploma de bacharel e de licenciado. Afinal, essa informação afetará diretamente o seu futuro profissional.

A chave para definir qual é o melhor tipo de curso para você é a vocação. Caso você tenha o desejo de lecionar, o curso de licenciatura é a sua opção. Ele habilita profissionais a atuar como professores da educação básica, ensino fundamental e ensino médio.

É claro que será preciso optar pela modalidade em um dos cursos que a oferecem: História, Geografia, Matemática, Letras, Ciências Biológicas, Química e Filosofia. Todos esses cursos têm um foco pedagógico.

Vale ressaltar que os profissionais formados em cursos de bacharelado não podem utilizar o seu diploma para lecionar.

Segundo o Ministério da Educação (MEC), os bacharéis são capacitados em determinado campo do saber para o exercício da atividade profissional. Dessa forma, uma pessoa formada em jornalismo, por exemplo, estará habilitada para atuar como repórter em televisão, rádio, jornal ou internet.

4 dicas para escolher um curso de licenciatura

Agora que você já sabe o que um diploma de licenciatura pode oferecer para o seu futuro profissional, chegou o momento de conhecer algumas dicas para definir em qual área se especializar. Confira!

1. Procure o autoconhecimento

Em momentos de dilemas, como o da escolha profissional, o autoconhecimento possibilita escolhas mais acertadas e definições mais seguras. Para tanto, é imprescindível fazer um momento de reflexão.

Foque nos seus objetivos e reconheça seus pontos fortes e fracos. Se preferir, faça uma lista com os seus interesses e veja com quais cursos eles são compatíveis.

Embora essa etapa de decisão seja um pouco nervosa, é importante manter a tranquilidade. Não se apresse para chegar a uma definição e evite fazer comparações — afinal, esse período varia de pessoa para pessoa. Tenha paciência e respeito com o seu processo.

2. Identifique suas aptidões

Ao reservar tempo para fazer uma reflexão sobre suas características pessoais, naturalmente, você encontrará as suas aptidões.

Por exemplo, se você é bom com números e contas, talvez a matemática seja um caminho a ser considerado. Em outro caso, se a leitura e a escrita são atividades agradáveis para você, o curso de Letras pode ser a melhor escolha.

Seja como for, valorize suas habilidades. Elas são diferenciais que podem auxiliar no cotidiano de uma profissão.

3. Analise a grade curricular

Ainda está em dúvida entre qual curso fazer? Então, pesquise mais sobre cada opção!

Conhecer a grade curricular oferecida é uma forma de eliminar alguns caminhos e reforçar outros. Além disso, analisar as disciplinas que serão estudadas te ajudará a conhecer o que você pode esperar de determinado curso, antes mesmo de ingressar na faculdade.

4. Converse com profissionais da área

A experiência no exercício da profissão é um pouco diferente da vivência acadêmica. Por isso, conversar com profissionais que já atuam na área é uma ótima maneira de descobrir algumas particularidades do cotidiano.

No geral, tente sanar as suas dúvidas em uma conversa franca sobre metas, objetivos e caminhos profissionais que um determinado curso pode proporcionar.

Vale ressaltar, inclusive, que, segundo o Inep, existe um déficit de professores nas turmas de 5ª a 8ª séries e no Ensino Médio. Por isso, o próprio Ministério da Educação chegou a criar uma Política Nacional de Formação de Professores.

Enfim, como vimos, o curso de licenciatura pode abrir diversas portas profissionais. Quem sabe esse não é o seu caminho?

E aí, gostou das nossas dicas? Conhece mais alguém que tem interesse em iniciar um curso de licenciatura? Compartilhe este post em suas redes sociais e incentive os seus colegas!

Posts relacionados

Deixe um comentário