#EuSouFacig Coffee Valley

Facig inaugura em Manhuaçu a Coffee Valley, incubadora de startups

No dia 21 de março de 2018, quarta-feira, a FACIG inaugurou na cidade de Manhuaçu, seu novo centro de incubação de Startups.

Cada vez mais comum no cenário mundial, uma startup é uma empresa nova em fase embrionária que tem projetos promissores na área de pesquisa, investigação e desenvolvimento de ideias inovadoras, que está à procura de um modelo de negócio repetível e escalável, trabalhando em condições de extrema incerteza.

Durante o evento, o projeto da incubadora foi apresentado pelo Diretor da FACIG, Thales Hannas: “Nós queremos mudar a cultura da nossa região juntamente com a nossa comunidade acadêmica. Nossos alunos agora tem um espaço para desenvolverem produtos, ideias, fazer contatos e gerar novos negócios, e isso pode ajudar a mudar a economia da nossa cidade e no caso do café gerar mais valor pros nossos produtores”.

O projeto oferece todas as condições para que alunos e ex-alunos formados na FACIG, bem como professores da instituição possam desenvolver suas ideias, contando com assessoria contábil e fiscal gratuita, mentorias, e o programa de incubação com duração de um ano, colocando todos em contato com investidores e com o ecossistema de startups ao redor do mundo.

A inauguração contou com a presença de Carnelutti Spinelli, Coordenador de Aceleração de Startups do Programa Lemonade, Economista, Pós Graduado em Gestão de Projetos, MBA em Gestão de Negócios e Business Coach, com mais de 15 anos de atuação nas áreas comercial e novos negócios. Atuou em empresas como Itaú Personnalité, Deloitte, Brookfield e Page Group. Há 3 anos focado em desenvolver e acelerar negócios de base tecnológica com potencial de crescimento escalável e já acelerou mais de 120 startups.

De acordo com Spinelli, o Coffee Valley é um ponto inicial pra toda essa revolução que vem acontecendo nesse quesito de inovação no cenário mundial, principalmente no modelo tradicional de ensino, ambiente propício estimulando os alunos a criar e identificar novos produtos. “A iniciativa da FACIG é muito vanguardista e traz para o ecossistema local uma nova visão e novas oportunidades de construir um futuro bem promissor”, afirma o palestrante.

Estavam também presentes no evento, as primeiras equipes com projetos incubados na Coffee Valley, compostas por professores e alunos dos cursos de Administração, Engenharia de Produção, Direito e Análise & Desenvolvimento de Sistemas, além de membros da comunidade da FACIG, empresários e representatividades da cidade e região.

You may also like
Entrega dos Certificados do Curso de Extensão de Scratch
FACIG COMEMORA DIA DO CONTADOR
Curso de Engenharia Civil dão uma Oficina de Vasos de Argamassa para Alunos da APAE

Deixe seu comentário

Seu comentário*

Nome*
Site