Faculdade e concurso público: 5 dicas para conciliar os estudos!

4 minutos para ler

Como conciliar faculdade e concurso? Essa é uma pergunta frequente no dia a dia de muitos estudantes que almejam uma aprovação que vai garantir uma carreira estável e com bom retorno financeiro, mas que temem abrir mão da vida de universitário e do que essa experiência tem a oferecer.

Se você também está nessa situação, reunimos 5 dicas que vão ajudá-lo nessa missão para que você alcance seu objetivo sem abdicar da sua formação superior. Acompanhe!

1. Planeje a sua rotina

Para conciliar faculdade e concurso, é primordial planejar sua rotina com antecedência. Somente dessa forma será possível garantir que você terá tempo para ambas as atividades de forma que nenhuma seja deixada de lado. 

Mas você deve estar se perguntando: “como fazer isso na prática?”. Bem, o segredo está em estabelecer horários fixos para os seus afazeres.

Por exemplo, para quem tem aulas de manhã, o ideal é definir a tarde (entre 14 e 17 horas) para estudar para provas, fazer trabalhos, realizar pesquisas etc. A noite (entre 19 e 22 horas), por sua vez, pode ser dedicada aos estudos para o concurso público.

Para quem estuda à noite, o ideal é fazer o inverso. Ou seja, manter a tarde (entre 14 e 17 horas) para os assuntos relacionados à vida acadêmica, mas deixar a manhã livre (entre 08 e 12 horas) para se dedicar ao concurso.

Já para quem faz um curso de período integral, a dica é deixar a noite (entre 19 e 22 horas) para os assuntos da faculdade e reservar o fim de semana para se empenhar para o concurso.

2. Faça um cronograma de conteúdos para estudar

Ao planejar sua rotina, otimize os seus estudos com um cronograma de conteúdos semanal. Isso é importante para assegurar que você vai realmente se aprofundar em todos os assuntos elencados no edital do concurso e não vai cometer um erro trivial de muitos concurseiros: o de focar apenas em matérias com as quais têm afinidade.

Muitos não sabem, mas essa é a forma mais simples de identificar em que pontos você tem mais dúvidas e precisa se aprofundar mais para garantir um bom resultado.

3. Aproveite as férias para fazer uma imersão nos estudos para o concurso

A faculdade conta com períodos de recesso nos meses de julho, dezembro e janeiro. Portanto, caso a prova do concurso só aconteça após um desses intervalos, saiba utilizá-los ao seu favor e fazer uma imersão nos estudos focado no exame. Afinal, você terá livre o turno em que geralmente ocorrem as suas aulas.

Essa é uma boa oportunidade, por exemplo, para participar de cursinhos preparatórios a fim de revisar o que já aprendeu e sanar as dúvidas que tem, além, é claro, de se tornar assinante de plataformas online especializadas em criar materiais de apoio para concurseiros.

4. Realize provas de antigos editais do concurso público

Outra dica útil é pesquisar as provas antigas do concurso que você pretende prestar para conferir o formato das questões (e seus respectivos gabaritos). Assim, você pode se autoavaliar e ficar mais familiarizado com a forma com que os conteúdos são cobrados.

Dessa forma, é possível medir o avanço do seu desempenho e exercitar o controle do tempo — o que vai ser essencial para acostumá-lo com a pressão de resolver muitas questões em poucas horas.

5. Cuide do seu sono e da sua alimentação

Por último, mas não menos importante: não descuide do seu sono nem da sua alimentação. Afinal, ambos são primordiais para que você esteja devidamente descansado e apto a tirar o máximo proveito da sua memória e principalmente da sua capacidade de concentração e raciocínio lógico.

Por isso, é importante que você busque manter uma rotina de sono de, pelo menos, 8 horas diárias. Quanto aos seus hábitos alimentares, não pule refeições e dê preferência a uma alimentação balanceada e sem excessos de gorduras, frituras e açúcares.

Como você viu, não é uma missão impossível conciliar faculdade e concurso, basta dedicação e disciplina. Por isso, não perca tempo e comece já a colocar nossas dicas em prática!

E já que falamos sobre concurso público neste post, aproveite e confira como escolher entre uma carreira pública e uma privada!

Posts relacionados

Deixe um comentário